09 janeiro 2016

Resenha: A Lente de Marbury - Andrew Smith

O LUGAR ERRADO NA HORA ERRADA! Um sequestro, um assassinato, um par de óculos… Aos 16 anos, tudo o que Jack mais quer é curtir as férias de verão com seu melhor
amigo, Conner, e eles vão dar uma grande festa para celebrar o fim das aulas. Mas algo dá muito errado! Jack perde a linha, fica bêbado e acaba caindo nas mãos de um maníaco que o droga e o sequestra. Ele escapa por um triz, e só conta o que sofreu para Conner. A viagem de férias para a Inglaterra parece ser a oportunidade perfeita para se livrar de seus fantasmas, mas Jack sabe que sua vida nunca mais será a mesma. Em Londres, um estranho lhe entrega um par de óculos cujas lentes lhe mostram um outro mundo. Um local chamado Marbury. Marbury está em guerra. É um lugar desolador que cheira à morte e destruição, onde os poucos sobreviventes precisam fugir se quiserem continuar vivos. Nesse mundo apocalíptico, Jack é responsável por dois garotos mais jovens, que são seus únicos companheiros, e também precisa enfrentar Conner, que o persegue e quer matá-lo. Como agir quando loucura e realidade se confundem? 


* Vote na enquete que está lá na parte superior esquerda do blog.

Minha Metade Silenciosa primeiro livro do Andrew Smith publicado no Brasil pela Gutemberg fez com que a leitura me tocasse pela primeira vez na vida, eu nunca tinha sofrido, chorado, sonhado e vivido tanto um livro como aconteceu com “MMS”(minha resenha do livro está no site da editora vou deixar o link no final do post). Um ano depois saiu pela Intrínseca o livro mais estranho, engraçado, depravado e doido que eu já li na vida que foi o Selva de Gafanhotos também do Andrew. Agora chegou a vez do autor premiado por seus contemporâneos jovens adultos, se arriscar em uma série fantástica com mundos paralelos e guerras intergalácticas. Não acho que tão cedo ele deixará de ser melhor autor da minha vida.

A Lente de Marbury vai cumprir exatamente com o que promete a sinopse. Toda história do livro como sempre começa muito tensa, prende nossa atenção logo nas primeiras páginas. Mesmo em um mundo paralelo o autor fala sobre sequestro, drogas, sexo, assassinatos e vários outros temas que já foram abordados em seus livros anteriores.

Como o ano ainda está começando pode ser que venha por aí livros incrivelmente superiores, mas até lá “marbury” se tornou uma das minhas melhores leituras do ano. Eu sou fã declarado de livros jovens (falo isso em todos os posts rsrs), e mesmo em um mundo alternativo Andrew Smith consegue falar sobre temas sérios que mexe com o leitor, e nos prende atenção durante toda leitura. Os finais dos livros do autor são meio que parecidos (tipo o Matthew Quick autor de Quase uma Rockstar entre outros, todos os livros dele terminam com um final aberto sem uma conclusão definida kkk já me acostumei, nem reclamo mais).

Vou avisando com antecedência que o livro é bem sangrento, e possui cenas pesadas difíceis de ler em alguns momentos. “Marbury” me surpreendeu por eu não esperar de mais da leitura, se fosse só um livro de ficção cientifica eu super aceitaria, mas o autor não contente com uma simples ficção colocou adolescentes para sofrer horrores no decorrer da história (com direito a Bullying e abuso sexual). Vai ser uma leitura estranha e intensa mais que vale a pena tenha certeza.

 Se não for por “Marbury” que seja por outro livro do autor, se você nunca leu nada do Andrew Smith escolha um dos seus livros publicados e leia urgente. 

Não deixe de me seguir no Facebook e no Skoob.

Destaquei duas resenhas para vocês lerem: O novo livro do Gayle Forman e o da Jojo Moyes. 

     
Minha resenha do livro Minha Metade Silenciosa no portal da Gutemberg: CLIQUE AQUI 

Capa do segundo volume da série/continuação do A lente de Marbury


9 comentários:

  1. Guto eu super me interessei até chegar a parte em que vc disse (final em aberto) kkkk amigo eu tipo fico LOUCA com livros que me deixa a ver navios kkk eu fico imaginando finais para eles e isso me faz pirar hehehe mais,sempre tem um mais kkkkkk como foi indicação do consumindo sagas vale a pena arriscar e é o que vou fazer kkk quem sabe meu trauma de finais em aberto acaba kkkkkkkk muito obrigada por mais essa indicação!
    Bjs
    Ass: Sara Naves
    #Fangril

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. saraaaaa doida esqueceu que ele terá uma continuação???? então não será super em aberto e tal. Igual cidades de papel que acabou do nada kkkkkkkkkkk. Eu amei a capa do segundo e já quero ler urgenteeeeeeeeeeeee.

      Excluir
    2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk agora que vi, hehehe pensei que era a capa do livro nos EUA kkkkkkk melhor ainda kkkkkk bjs.

      Excluir
  2. Oi
    eu já tinha visto algo sobre esse livro e nem lembro se foi aqui,
    a história parece ser bem interessante, acredita que nem conhecia o autor e ao ler seu poste vi que já tinha visto algo sobre um outro livro dele. Pela resenha parece ser um livro com cenas pesadas e que mesmo assim despertou minha curiosidade, você parece ser bem fã do autor. Quem sabe eu tenha a chance de ler algum livro dele.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De, quando vc ler o minha metade silenciosa vc vai se apaixonar pela escrita e história dele. É o meu livro favorito da vida como eu já disse no post. Vai ser incrivel quando vc ler!!!!!!!!

      Excluir
  3. Oba, tem sangue? Adoro!!!!! Comprei Minha Metade Silenciosa há quase um ano e ainda não li. Como esse ano quero diversificar um pouco mais os gêneros, logo chega a vez dele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já sacnsei de falar sobre esse livro e vc iniste em nao ler Ronadlo aff!!!!! E Marbury é sua cara, certeza que vc vai gostar..

      Excluir
  4. Terminei agora de ler este livro. Viajei com ele. Já Quero a continuação!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kari, eu só não entendi muito o lance do fantasma. Ficou meio confuso pra mim

      Excluir

Pessoal, eu estou respondendo todo muito a noite quando volto do trabalho. Mas no Facebook eu respondo mais rápido!!