24 setembro 2016

Resenha: Quando eu Parti - Gayle Forman autora de Se eu Ficar

Maribeth Klein tem a própria cota de problemas: do marido omisso até a chefe e ”ex-amiga” Elizabeth, passando pelos gêmeos superativos. Ela está sempre tão ocupada que mal percebe um ataque cardíaco. Depois de uma complicação inesperada no procedimento cirúrgico, Maribeth começa a questionar os rumos que sua vida tomou e faz o impensável: vai embora de casa. Longe das exigências do marido, filhos e carreira, e com a ajuda de novos amigos, ela finalmente é capaz de enfrentar o passado e os segredos que guarda até de si mesma. Quando um coração falha, não é apenas o corpo que trai. Mas sonhos desfeitos, amores não vividos, destinos cruzados.


Desde que eu li esse livro eu sabia que esta seria uma resenha muito difícil de escrever. Não seria fácil falar de um livro que não me comoveu ou me divertiu em nenhum momento. Eu sou apaixonado pela trilogia Apenas um Dia/Noite/Ano (vou deixar o link para a resenha dos três livros no final do post). Como eu amei essa trilogia e todo mundo ama Se eu ficar (que eu não li), eu imaginei que a autora iria encantar o leitor nessa nova fase de escrever livros mais adultos/contemporâneos. E não foi o que aconteceu, mas eu explicarei tudo o que me levou não amar seu novo romance Quando eu Parti.

Eu sei que milhares de leitores amam a Gayle e eu também sou fã dos seus romances, mas eu simplesmente não consegui me conectar com a protagonista e seus dilemas. Todo o enredo do livro está na sinopse, eu sempre bato nessa mesma tecla aqui no blog, eles insistem em colocar todo conteúdo do livro em uma sinopse gigantesca deixando o leitor com pouquíssimas surpresas no decorrer da leitura. Quando eu Parti é narrado em terceira pessoa o que me fez demorar mais ainda para me conectar com os personagens, sem contar que as primeiras 80 páginas é como se fosse uma longa introdução da vida e rotina da protagonista. É como naqueles livros que o leitor só começa a se importar com o que está acontecendo após a página 100 (pelo menos, foi como eu me senti).

No ponto que dá partida para a história que é quando a protagonista resolve sair de casa deixando para trás seu marido, filhos e carreira (NÃO É SPOILER está na sinopse rsrs), não ficou muito claro pra mim porque ela tomou essa decisão, uma pessoa deixar os filhos para trás para ter um momento de " descobrimento pessoal " não faz muito sentido. É claro que eu entendi que a autora quis passar essa espécie de “crise de identidade”, mas confesso que eu não concordei muito com algumas decisões da Maribeth. É muito provável que vários leitores amem esse livro, e talvez muitas pessoas que antes não tinha vontade de ler os livros jovens da autora, agora passem a se interessar por seus novos romances adultos.

Em vários momentos do livro nós teremos alguns flashbacks do passado da protagonista, o que me deixou confuso as vezes, acho que esse lance de flashback funciona quando estamos assistindo um filme ou uma série, agora em um livro acaba deixando a leitura um pouco monótona, porque sempre que você está super empolgado com tal acontecimento presente, somos jogados lá para o passado (isso foi broxanteeee).

Geralmente na maioria dos livros, os autores meio que enfeitam algumas situações que no nosso dia a dia dificilmente aconteceria daquela forma, em Quando eu parti a autora conseguiu ser mais "emoção" que "ficção". O que víamos durante o enredo realmente poderia acontecer, alguns dos motivos que levou a protagonista a "abandonar" sua família em busca de um autodescobrimento acaba sendo um pouco plausível, mesmo nós leitores não concordando com suas decisões, nós conseguimos entender de certa forma e isso foi um ponto muito positivo para a Gayle Forman. (É bem complicado de explicar kkkkk). Eu realmente gostaria de ter adorado esse livro e indicar ele pelo resto dos meus dias, mas não será possível e isso é meio frustrante pra mim.

A meu ver, no final da sua jornada a protagonista meio que conseguiu ficar em paz com seus dilemas. O final do livro não é muito conclusivo a meu ver, então teremos aí um mar de possibilidades para o seu "felizes para sempre". Eu gostaria de poder entender se foi uma crise de meia idade ou o que foi que aconteceu de fato, acho que essa não foi uma leitura que eu tive todas as respostas ou fiquei super satisfeito, simplesmente se tornou mais uma leitura do ano (sem deixar uma boa lembrança ou uma grande lição....).

Eu realmente não gostaria de vim aqui no blog e falar sobre minha experiência com essa leitura, porque eu sei o quanto todo mundo ama essa autora e de como muitas leitoras podem ficar bravas e provavelmente me xingar nos comentários kkk. Eu não tinha grandes expectativas para essa história, então eu embarquei de coração aberto, pronto para tudo, mas o TUDO foi tão entediante e monótono que me desanimei eternamenteeee. Acho que a forma que a autora abordou os temas que ela tinha em mente, não se encaixaram muito bem no livro e acabou me desanimando quanto mais eu lia. Eu espero muito que vocês fãs da autora possam ler e tirar suas próprias conclusões. Se alguém leu e acabou concordando comigo em alguns aspectos é só vim conversar comigo aqui nos comentários, e se alguém amou o livro e achou um absurdo tudo o que eu falei, é só vim aqui também e defender sua tese rsrs.

Lembrando que saiu o post de compras literárias das últimas semanas e meu Top 10 mais desejados do Skoob (vou deixar o link para vocês conferirem).


Redes Sociais: Facebook & Skoob  

PS: Gostaria de frisar para vocês que meu livro favorito da autora é o O que há de estranho em mim (tem resenha dele aqui no blog, é só dar uma olhadinha lá no menu).

Muito obrigado a todos que leram até aqui e me contem quais os seus livros favoritos da autora e quais vocês estão mais ansiosos para serem adaptados??!! 

23 setembro 2016

Compras Literárias Acumuladas /3

Estou eu aqui de volta para apresentar para vocês todos os livros que chegaram nos últimos dois meses. Essa será a terceira parte do post de compras aqui do blog e espero poder contar com a participação de todo mundo novamente!!

Durante esses 3 anos do Consumindo Sagas eu só fazia um post de compras quando acontecia a Black Friday, mas como eu já tinha decidido no ano passado que em 2016 eu compraria mais livros do que no ano anterior, eu achei legal fazer um post a cada 15 livros novos acumulados. Enquanto este está indo para o ar, eu já estou na espera de 11 livros que ficará para o próximo post que deve sair antes da Black Friday (porque eu quero fazer um post de compras da Black separado como todos os anos).

Nesse post, eu vou mostrar algumas continuações que chegaram, alguns livros já resenhados aqui no blog, um romance GLS e um box americano que eu paguei um preço que vocês não vão acreditar (menos que VINTE REAIS).

O que aconteceu com o Adeus


Dos poucos livros da Sarah Dessen publicados no Brasil, O que aconteceu com o Adeus é o favorito de todos os fãs da autora. Esse livro foi publicado pela "falecida" editora ID (que era maravilhosa), em todos os lugares ele está por uns 40,00 reais mais ou menos (consegui comprar meu exemplar por 18,90 na Saraiva e morri pra sempreeee). Estou há anos atrás desse livro e finalmente vou poder lê-lo. Eu pretendo comprar todos os livros da Sarah Dessen, minha meta é ler um livro da autora por mês. Mas só começarei esse projeto pessoal quando eu tiver todos os seus livros (que não é caso no momento kkkkk). Me falta os livros: Uma Canção de Ninar (que eu já li e resenhei, porém minha versão impressa está chegando semana que vem e mostrarei no próximo post de compras), Just Listen que é um livro maravilhoso e todos que leram amaram (porém, está caríssimo e vou tentar garantir meu exemplar no mês que vem), A caminho do verão (eu já comecei a ler esse livro em ebook, mas por causa do meu problema nas vistas, eu vou continuar minha leitura na versão física, assim que o preço abaixar um pouco), e o último que eu quero é o Os bons segredos (que está no topo dos meus desejados e também  na minha lista de compras do próximo mês). Provavelmente eu começarei meu projeto de leitura a partir de janeiro de 2017. 

Memórias de um amigo Imaginário


Memórias de um amigo imaginário eu conheci pelo skoob e meu mundo parou quando eu li aquela sinopse super dramática com cara de lágrimas eternas (eu fiz um post com meu top livros desejados no Skoob, vou deixar o link no final do post). Também é um livro raríssimo por ter sido publicado pela editora ID e infelizmente está em seus últimos exemplares. Sabe quando você bate o olho em um livro e sente que ele será uma leitura super especial e que você vai amá-lo para sempre?? Foi exatamente o que aconteceu comigo e esse livro. Eu não pretendo lê-lo agora porque minha vida está muito atribulada e eu preciso ter minha mente tranquila focada só nesta leitura, então estou adiando por enquanto. Lembrando que eu paguei 22,00 no site das casas Bahia.

The Kiss of Deception


Agora chegou um momento tenso aqui neste post, pois vou falar do livro que estava no meu topo ansiedade de 2016 e continuou no topo porém, no topo da minha maior decepção literária deste ano. Antes que alguém me xingue nos comentários, preciso ressaltar que eu amei a escrita da autora, amei a edição maravilhosa da Dark Side, amei ter pago apenas 16,90 e também amei todos os personagens. ENTRETANTO, eu tinha certeza que seria um livro com pouco romance e muita ação (como acontece na maioria dos livros desse gênero). Mas eu já tinha passado 300 páginas e tudo continuava super parado, com a protagonista vivendo sua rotina, curtindo dois boys ao mesmo tempo, me senti tomando um banho de mel e açúcar durante dois longos meses fazendo essa leitura. Era tanto romance que é como se eu tivesse lido todos os livros do Nicholas Sparks de uma só vez. No livro nós tínhamos uma princesa fugindo disfarçada para um povoado (desertando seu lugar na família real, por assim dizer), tínhamos um príncipe atrás de sua noiva fugitiva e um assassino também a procura dessa princesa. Eu inocentemente imaginei que ela fosse fugir para uma floresta, para não ser morta pelo assassino de aluguel que em algum momento fosse se apaixonar por ela (ou qualquer coisa do tipo). A paixão realmente aconteceu, mas em nenhum momento temos uma cena de ação constante, aquela pegada jogos vorazes, aquela adrenalina que deixa o leitor viciado louco para saber o que irá acontecer. Provavelmente, eu que esperava algo diferente do que me foi entregue, eu tinha expectativas divergentes a respeito dessa leitura, por isso o livro não me fascinou como fez com todos os leitores. Se eu soubesse que seria mais de 400 páginas de puro romance, eu deixaria para ler em outro momento. Eu vou dar meu exemplar para uma amiga e não pretendo concluir essa trilogia. (Eu fiz um diário de leitura sobre ele no Skoob, me siga lá para acompanhar os próximos).

Delírio


Delírio é minha leitura atual, então não posso falar muito (até porque, estou no meio do livro). O que eu posso falar dessa leitura é que se não melhorar eu vou abandonar essa trilogia também kkkkkk). O problema não é a história, mas a narrativa da autora. Ela descreve passo a passo de tudo o que acontece (fulana está lavando a louça do jantar, fulana agora entrou no banheiro e está demorando mais do que o necessário, meu tio está comendo batata com molho e duas colheres de azeite, meu tio acabou de acrescentar pitadas de sal e suas batatas .... ) SÉRIO está um SACO!! Eu quase nunca reclamo de algum livro aqui no blog, mas qual a necessidade de descrever mil detalhes do que está acontecendo ao redor da protagonista, parece que estou lendo o roteiro de um filme. As vezes ela descreve tanto, que eu simplesmente passo algumas páginas (porque não sou obrigado a tanta enrolação rsrs). Esqueci de mencionar que foi uma troca no skoob (e chegou todo amassado desse jeito).

Apenas um Garoto


Esse livro é muito fofo e veio num kit super lindo que a editora preparou (que eu ainda não mostrei, mas ainda farei isso em um post especial que estou preparando). Como eu já fiz resenha dele aqui no blog, eu vou deixar vocês conferirem no final do post (quem se interessar, claro).

O que há de estranho em mim


Eu sou apaixonado por esse livro, simplesmente por ele ter me tirado duma ressaca literária ano passado rsrs. Ele vai tratar de um assunto mais sério, porém a escrita da autora é super leve e viciante, então você avança a leitura muito rápido e quando menos perceber, já terá concluído a leitura. Eu super recomendo e também já resenhei ele aqui, porém só agora eu adquiri meu exemplar físico dele. 

Meu coração e outros buracos negros


Esse livro tem uma capa horrível demais, porém a sinopse dele é destruidora. Vai falar sobre suicídio na fase adolescente. Eu não costumo ler sinopse, mas essa eu li as primeiras linhas e o livro vai falar de uma garota e um garoto que se conhecem em um site que mostra várias formas de suicídios, e esses dois iram planejar suas mortes juntos (algo assim). É claro que provavelmente eles não iram morrer e descobriram o quanto a vida é proveitosa, e que tudo o que eles estão passando agora é só uma fase ruim (todos nós passamos por ela algum dia. eu já passei umas 3 vezes kkkkkkkkk). Tenho certeza que terá muitas frases marcantes e uma lição de vida maravilhosa, estou louco para ler logo esse livro, assim que eu ler eu venho aqui e falo sobre ele no resumo de leituras que assim como no ano passado, irá sair em dezembro.

Essa luz tão brilhante


Essa luz tão brilhante é mais um jovem/adulto super fofo e divertido como a maioria que eu tenho lido na vida. Eu super amei, realmente valeu a leitura e como eu já fiz a resenha dele, vou deixar o link no final blablabla (vocês já sabem como funciona rsrs).

As cores da vida


Irei me limitar em dizer: Já li e resenha no final do post kkk.

Boa Noite


Dessa vez eu já li e resenhei mas falarei dele mesmo assim porque eu amei ever!!!!! Eu não esperava me apaixonar tanto por essa leitura. Eu o li em um fim de semana e isso não aconteceu ainda este ano. Eu tenho demorado mais ou menos duas semanas para terminar um livro. Por causa do trabalho, preguiça, cansaço, Netflix... Eu fico adiando a leitura sempre. Mas Boa Noite foi tão bom e os personagens tão incríveis que eu não queria parar de ler por nada. O livro é super fininho e tem muito humor, mesmo abordando temas mais pesados como abuso sexual, estupro etc. Eu super recomendo e irei indicar ele aqui até todos comprarem rsrs (comprei na pré venda por 30,00 reais, mas está super baratinho agora).

Dez mil céus sobre você


Ele é continuação do livro Mil pedaços de você que eu mostrei no post de compras anterior. Eu ainda não li nenhum dos dois livros, porque estou esperando lançar o terceiro e último da trilogia (se for ruim eu estou ferrado kkk mas tenho esperança de que seja muito bom). Eu nunca procurei resenha ou comentários sobre ele para saber o que o pessoal acha, mas vi várias recomendações dessa trilogia em blogs americanos, então deve ser bacana (pelo menos eu espero que seja...). Paguei 17,00 reais no Extra!

Box Divergent


Sabe esse amor que todo mundo tem por Harry Potter ou Crepúsculo, ou pela saga Instrumentos Mortais?? Eu tenho essa mesma fascinação por Divergente kkk. Eu sou apaixonado por esse universo e principalmente pela fase da minha vida quando eu li o primeiro livro há anos atrás. Quando eu conclui essa trilogia eu estava em uma das melhores épocas da minha vida, e meus amigos/amigas leram os meus livros e tínhamos um grupo só para falar das nossas leituras e dos filmes etc. Divergente se tornou algo muito especial ao ponto de eu querer todas as versões publicadas da trilogia. Esse box traz a trilogia com capa (brochura), meu alvo é comprar os livros separados em capa dura no próximo ano. Também quero uma versão deles em capa roxa maravilhosa que eu vi na Saraiva. Quero também aquela versão dourada do box Jogos Vorazes que eles vendem no submarino e em outros sites kkk. Lembrando que este box saiu por 15,50 na Saraiva online (numa promo vinda do céu).

Agora eu preciso mostrar para vocês os marcadores incríveis que eu ganhei do meu parceiro Ronaldo do blog (Porque livro nunca enguiça). Ele é um dos leitores mais velhos aqui do blog, me acompanha há uns dois anos, e como eu não pude ir na bienal, ele me enviou esses marcadores maravilhosos da coleção Marvel da editora Novo Século. Recebi hoje e surteiiiii 


Eu sei que tenho demorado para postar conteúdo novo aqui no blog e estou me esforçando ao máximo para não sumir por meses. Tem sido muito corrido essas semanas, e eu ainda preciso estudar para o Enem, também planejar uma viagem que eu farei em dezembro,  ainda tenho um noivado para comparecer em uma cidade bem longe da minha (já não aguento mais ir em tantos noivados e casamentos, sempre gasto uma grana altíssimaaaa), e por último temos nossa Black Friday maravilhosa. É pouca grana para tantos projetos kkkk está complicado demais esse final de ano gente!!

Eu tenho programado algumas resenhas, que você iram amar pois são romances e o público aqui do blog é tudo apaixonado kkk. Lembrando que vocês podem votar nesta enquete que eu deixei aqui na lateral do blog para em ajudar com o gênero que você querem que eu fale mais aqui no blog. Depois das resenhas eu vou publicar um especial de 3 anos do blog, também teremos um sorteio dia 8 de Outubro lá na fanpage do blog (aproveitem para curtir, quem ainda não conhece). Acho que depois desse especial, eu posto outro post de compras parte 4. PRONTO vocês tem toda programação do blog pelas próximas semanas rsrs.

Não se esqueçam de curtir e seguir minhas redes sociais: Skoob & Facebook

Agora vamos para o show de link citados no post rsrs: Resenha -Apenas um Garoto # O que há de estranho em mim # Essa luz tão brilhante # As cores da vida # Boa Noite 

Links adicionais: Top 10 Desejados no Skoob # Compras Acumuladas Parte Um & Dois.

Pessoal, se vocês já leram alguns dos livros que eu mostrei neste post. Me digam se vocês gostaram ou deixem o link das suas resenhas nos comentários. Um super abraço de urso. Falow